Marketing de conteúdo em vídeo: personalização é o caminho para aumentar o alcance e o engajamento - K2.
Google quer matar as URLs
Google quer matar as URLs. Mas o que virá depois?
11 de setembro de 2018
vida de youtuber e esgotamento andam juntos
Vida de YouTuber: esforços levam os criadores ao esgotamento físico e mental
26 de setembro de 2018

Marketing de conteúdo em vídeo: personalização é o caminho para aumentar o alcance e o engajamento

Marketing de conteúdo em vídeo e a personalização da comunicação

Em um artigo publicado na Forbes, a fundadora e CEO do Studio 15, Jia Wertz, falou sobre a importância da personalização do marketing de conteúdo em vídeo na estratégia de comunicação das marcas e empresas. Segundo Wertz, a personalização pode ser a melhor saída para que as produções audiovisuais de uma marca possam atingir seus objetivos de atração e de fidelização.

A importância da adoção dos vídeos na estratégia de marketing é algo que vem sendo dito há anos. Se você está cansado desse papo, é melhor se reciclar, porque o videomarketing não vai desaparecer tão cedo.

Para ter uma ideia de quanto os consumidores adoram vídeo, basta dar uma olhada nessas estatísticas:

Juntamente com outras táticas inteligentes, como a personalização e a automação, o marketing de conteúdo em vídeo é a forma como os profissionais de comunicação mais antenados superam o desafio de aumentar o alcance e o engajamento no ambiente atual de constante sobrecarga de mídia.

No momento em que é tão difícil ser notado e lembrado, o apelo do vídeo é fácil de ser entendido. As pessoas podem gastar 2,6 vezes mais tempo em páginas com vídeos do que as que não têm, e marcas como a Dropbox duplicaram conversões e inscrições ao incluir vídeos em páginas da web para envolver e converter usuários.

Marketing de conteúdo em vídeo e a personalização das produções

A personalização é o fator diferenciador. À medida que você digitaliza e automatiza mais as comunicações de seus clientes – que é um passo natural no processo de escalonamento – , a personalização do conteúdo mantém a relação entre a empresa e o cliente como algo humano. Ela permite que você aborde os membros da audiência como indivíduos, e é por isso que as empresas digitais com grandes inventários, como Netflix e Amazon, obtiveram tanto sucesso com essa tática.

Ambas as empresas apresentam recomendações altamente personalizadas, em tantos pontos de contato quanto for possível – dos seus sites até o envio de e-mails -, com o intuito de criar experiências sob medida para seus milhões de clientes.

Veja como você pode usar os dois juntos para causar mais impacto com seu conteúdo.

Construa experiências verdadeiramente engajantes

Lembra quando os blogs eram algo novo e diferente, independentemente do assunto sobre o qual uma empresa escrevia? Compare isso ao agora, quando a maioria dos negócios tem um blog e apenas os melhores conteúdos são lembrados. É importante estar atento ao fato de que a expectativa de qualidade aumenta à medida em que qualquer canal de marketing se solidifica.

Conforme o videomarketing amadurece, adicionar personalização é a forma como você pode mantê-lo atualizado, ao criar uma experiência memorável e exclusiva para seu público. Caso contrário, é cada vez mais difícil diferenciar-se de outras marcas usando estilos e formatos similares.

Para se destacar entre outras marcas cujos vídeos são parecidos com os seus, concentre-se no próprio conteúdo. Quando é pessoalmente relevante e útil para o espectador, seu conteúdo deixa uma boa impressão e fornece respostas para questionamentos.

>>> Você sabe qual é a velocidade mínima para transmitir vídeo ao vivo?

Crie relações pessoais

Além de se destacar, o conteúdo personalizado imita mais de perto uma conversa real. Isso é particularmente útil quando você se comunica em estágios mais avançados do processo de vendas ou com clientes existentes. Nesse momento, você terá informações suficientes sobre seu destinatário e várias opções de personalização.

Usando integrações de CRM (Customer Relationship Management Gestão de Relacionamento como o Cliente) e conteúdo dinâmico, você pode criar uma mensagem de vendas mais personalizada e relevante, abordando diretamente as necessidades ou problemas do destinatário. Os vídeos dinâmicos podem fornecer suporte pessoal ao cliente nos estágios de conversão e retenção da jornada de compras.

Pense: quanto mais você poderia personalizar sua comunicação com conteúdo dinâmico à sua disposição?

Use dados comportamentais

A melhor parte da personalização de conteúdo é que você pode utilizar todo o big data (grande volume de dados, estruturados e não) que coletou de leads e clientes. À medida que o relacionamento avança, você estará apto a se integrar com ainda mais fontes de dados de clientes, como histórico de e-mail e comportamento de compra.

Isso pode ser simples, e ainda assim, efetivo.

Pense nos vídeos curtos e personalizados que o Facebook cria para ajudar os usuários a celebrar pequenas ocasiões, desde retrospectivas do ano e vídeos de aniversários até a lembrança de pequenas alegrias e eventos, através do recurso de “lembranças”.

Os vídeos são reunidos simplesmente a partir de fotos e eventos marcados no Facebook, mas as pessoas constantemente os compartilham porque são relevantes e pessoais. Aprender a aproveitar os dados que você tem para personalizar e melhorar experiências é a chave para aproveitar o conteúdo dinâmico ao máximo.

Não adote uma abordagem “tamanho único” para suas mensagens de vídeo. Personalizar e tornar dinâmico o seu conteúdo pode ser o “pulo do gato” que sua empresa precisa para levar sua estratégia de marketing ao um patamar mais alto.

Cristian Amaral
Cristian Amaral
Avesso ao formato goela abaixo do outbound marketing. Fisgado pela abordagem mais respeitosa do inbound marketing. Publicitário por formação, redator por gosto. Assim como todo mundo, nadando no tsunami de informações e tecnologias, mas sempre atento ao fato de que, no final das contas, seguimos lidando com pessoas.

Os comentários estão encerrados.